Ícone do site Ultraverso

‘A Oitava Cláusula’, um filme amador que entrega no final

A Oitava Cláusula La Octava Clausula crítica do filme Amazon Prime Video original 2022 onde assistir elenco data de estreia lançamento

Foto: Amazon Prime Video / Divulgação

A Oitava Cláusula (La Octava Clausula) é o novo filme estrelado por Maite Perroni que chegou há pouco tempo no Amazon Prime Video. Logo em seus momentos iniciais conhecemos o casal formado por Borja e Cat, vividos por Oscar Janada e Maite Perroni, respetivamente.

Eles aparentam ser o casal perfeito com uma vida de conforto e luxo. Após o homem descobrir a traição de sua mulher com o seu melhor amigo Marcos (Manuel Vega), ele elabora um contrato para desmoralizar os dois e inclui a polêmica “oitava cláusula” que estampa o título do longa. O que já era um momento constrangedor para os três, vira um pesadelo quando eles acabam sendo alvo de dois assaltantes.

Leia também:

Filmes sobre a indústria de jogos de azar online que valem a pena assistir

‘Thar’ mantém a tensão até o final

‘Ghost in the Shell: Guerra Sustentável’ é fraco e sem rumo

Pode divertir

Vamos lá: A Oitava Cláusula (La Octava Clausula) tem toda aquela aparência e clima de filme feito para a TV. Não há nenhum problema com isso, é só uma linguagem usada que o torna um pouco amadora e que, por vezes, não passa uma credibilidade o suficiente para ele. Nesse caso aqui, embora tenha essa energia, o longa-metragem acabou sendo melhor do que estava esperando. Temos uma história que chega a beirar o fetichismo, e que termina com uma sucessão de surpresas e reviravoltas.

Mas calma! Embora a produção se desenrole de uma forma inesperada, o que a torna boa, não chega a ser maravilhosa. Me parece que, no final, a película quer ser mais inteligente do que realmente é. Seu final também é bem satisfatório, de acordo com o que ele propõe. Afinal, os personagens são colocados em uma posição até vexatória em um determinado momento. Assim, o marido traído, na verdade, é apenas um fetichista que teve o seu ego ferido.

Soft porn

Por tocar nesse assunto, é preciso comentar sobre esse tom meio “soft porn” que o filme exala. Recentemente assisti à série Desejo Sombrio, estrelada também pela Maite Perroni. Nessa série, o sexo está inserido em todos os momentos e a personagem da atriz não poderia ficar de fora. Me parece que ela trouxe toda a energia da série para o filme A Oitava Cláusula (La Octava Clausula).

Temos um momento de sexo quase selvagem, com uma cena de voyeurismo mais na frente, e até uma outra cena completamente gratuita que não serve de nada para a história. Se acalme, ele não é tão explícito como possa parecer, mas essa energia de thriller sexual está ali.

Conclusão

Enfim, A Oitava Cláusula (La Octava Clausula) parece um filme ruim, mas acaba sendo satisfatório no final. Sua produção semiamadora não prejudica em nada, principalmente por ser um longa com uma proposta pequena e intimista. Acredito até que dá certo justamente por ser pequeno. Poderia ter mais reviravoltas? Poderia ter ocorrido uma confusão maior no desfecho? O roteiro poderia ser um pouco melhor podado? A resposta é sim para tudo, mas esse sou eu sendo extremamente exigente com tudo.

Onde assistir ao filme A Oitava Cláusula (La Octava Clausula)?

A saber, A Oitava Cláusula (La Octava Clausula) já se encontra disponível para todos os assinantes do Amazon Prime Video.

Aliás, vai comprar algo na Amazon? Então apoie o ULTRAVERSO comprando pelo nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa.

Por fim, não deixe de acompanhar o UltraCast, o podcast do Ultraverso:

Trailer do filme A Oitava Cláusula (La Octava Clausula), do Amazon Prime Video

A Oitava Cláusula (La Octava Clausula): elenco do filme (Amazon Prime Video)

Oscar Janada
Maite Peroni
Manuel Vega
Paulina Davila
Christian Méier

Ficha Técnica: A Oitava Cláusula (La Octava Clausula)

Título original do filme: La Octava Clausula
Diretor: Koko Stambuk
Roteiro: Frank Ariza e Mario Tardon
Duração: 80 minutos
País: México
Gênero: drama
Classificação: 18 anos

Sair da versão mobile