Glamour Girls crítica do filme Netflix 2022

Foto: Netflix / Divulgação

Quem se importa com ‘Glamour Girls’?

Bruno Oliveira

|

1 de julho de 2022

Até o início de 2022, eu nunca havia visto uma película sequer oriunda da Nigéria. A essa altura do campeonato, Glamour Girls, mais novo filme nigeriano da Netflix, já é o quarto que vejo assisto e ouso dizer que a experiência não tem sido boa. Esse comentário acaba soando maldoso, mas não posso esconder o que sinto. Vai parecer perseguição, mas todos eles falham no mesmo lugar: um roteiro esburacado e que, por vezes, soa puramente ingênuo e inocente.

No início da trama acompanhamos Jemma (Joselyn Dumas), uma acompanhante que é injustamente acusada de roubar o seu cliente. Se vendo desesperada ao ser demitida, ela apela para Donna, uma requintada agenciadora de garotas de programa, para trabalhar em sua agência. Após Emma se rebaixar para conseguir o emprego, Donna a aceita e passa a lhe mostrar o mundo de glamour de que é feita essa nova vida. Mas como nada é fácil, ela começará a ver que esse mundo não é para amadores e que certas coisas podem ser muito perigosas.

Leia também:

Minions 2: A Origem de Gru é um deleite para os fãs

Veja as novidades da Netflix para Julho de 2022

‘Ingresso para o Paraíso’, com Julia Roberts e George Clooney, ganha trailer

Roteiro esburacado

Como falei no primeiro parágrafo, Glamour Girls contém um roteiro imensamente problemático. Ele me parece ser uma história muito maior que acabou sendo picotada na sala de edição. O que talvez pudesse ser uma série acaba sendo condensado em duas horas de projeção. Nós temos a história das protagonistas, assim como um monte de coadjuvantes por trás, que também estão tendo suas tramas contadas. O problema é que você acaba não se importando com a maioria.

Pior que isso é saber que as coisas acontecem do nada e nos perguntamos como chegamos a esse ponto. Muitos detalhes não são explicados direito e acabamos que temos que deduzir o que aconteceu. Até a protagonista tem esse problema gigante. É dito que ela cuida de dois irmãos mais novos. Nos é mostrada uma cena com esses irmãos e eles simplesmente desaparecem do resto do longa. Nem mencionados mais são. E é isso. É só aceitar.

Ninguém se importa

Essa bagunça fica tão inacreditavelmente insuportável que não consegui me apegar a ninguém. No final, eu não estava me importando com absolutamente nada. Nenhum personagem é carismático o suficiente para se comover com o seu drama. Isso sem falar das coadjuvantes que aparecem com problemas que você não dá a mínima.

É nesse ponto que cito a ingenuidade e inocência. Pode ser a forma que eles sempre trabalharam, mas é algo que não funciona para mim. Personagens bobos e aquela impressão de que ninguém presta. Isso na mão de alguém competente pode nos dar algo bom, mas nas mãos de uma pessoa que não sabe o que fazer acaba resultando em algo muito confuso e ruim. Torço bastante para morder a língua em breve quando o assunto for cinema nigeriano.

Conclusão

Como ponto positivo, coloco somente a bela fotografia. O aspecto do glamour é bem captado pelas lentes, dando um ar de novidade. Sabe aquele sentimento que temos quando desembrulhamos algo novo? É assim.

Mas a tentativa de fazer algo muito mirabolante e rebuscado falha e só o que temos é uma história sem pé nem cabeça. Enfim, sei que a Netflix tem seu público fiel de filmes nigerianos. Então, assista Glamour Girls apenas se você faz parte desse nicho.

Onde assistir ao filme Glamour Girls?

A saber, Glamour Girls já está disponível para os assinantes da Netflix desde o dia 27 de junho.

Aliás, está de olho em algo na Amazon? Então apoie o ULTRAVERSO comprando pelo nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa.

Não deixe de acompanhar o UltraCast, o podcast do ULTRAVERSO:

https://app.orelo.cc/uA26

https://spoti.fi/3t8giu7

Trailer do filme Glamour Girls, da Netflix

Glamour Girls: elenco do filme (Netflix)

Sharon Oja
Nse Ikpe-Etim
Joselyn Dumas

Ficha Técnica: filme Glamour Girls, da Netflix

Título original: Glamour Girls
Direção: Bunmi Ajakaiye
Roteiro: Kemi Adesoye
Duração: 125 minutos
País: Nigéria
Gênero: drama
Ano: 2022
Classificação: 16 anos

Bruno Oliveira

2

Créditos Galáticos: 2

Livros e Quadrinhos ‘Operação Obscura’ ‘Coração Marcado’ ‘Lua de Mel com a Minha Mãe’ ‘Bubble’ ‘Rumspringa’ SEC AWARDS 2022 A Megera Domada – Crítica do Filme