Joss Stone show Espaço das Américas Unimed junho 2022

Foto: Rafael Strabelli / Espaço Unimed / Divulgação

Joss Stone deixa o público em êxtase em show no Espaço Unimed

Demétrius Carvalho

|

2 de junho de 2022

O frio deu uma trégua nessa noite desta quarta-feira (1) para acolher o show de Joss Stone no Espaço Unimed. Inicialmente, a apresentação de abertura seria da escocesa KT Tunstall, que acabou não vindo ao Brasil alegando problemas de saúde. A substituição foi uma bola dentro com Céu trabalhando em seu novo disco intitulado Um Gosto de Sol, que tem uma série de regravações de músicas que fizeram parte de sua formação musical.

Show impecável da cantora, com destaque para “Chega Mais”, de Rita Lee. Ela e sua banda deixaram o palco pontualmente às 21h com a impressão de que tocariam sua última música, mas talvez tenham sido avisados que seu horário havia terminado.

Leia também:

Rosa de Saron fala direto ao coração em show no RJ

Festival Queremos 2022 emociona público carioca

Festa SubaJovem realiza edição especial de aniversário

Atraso perdoável

Tudo nos levava a crer que, às 21h30, pontualmente, Joss Stone adentraria o palco para o seu show no Espaço Unimed, o que não aconteceu. Houve um leve atraso, mas nada que comprometesse a noite. Baixo, bateria, teclado, guitarra e um par de backings vocals. Sete pessoas no palco não é? Não, oito. Isso porque a cantora apareceu com um vestido prateado que deixava sua barriguinha de cinco meses à mostra para os cerca de quatro mil espectadores.

A britânica abriu com “Free Me” e, de cara, já demonstrou estar comovida com o calor do público para com ela. Assim, à medida que as músicas foram sendo tocadas, a intimidade de Joss com o público só aumentava. Logo, estava ela contando experiências culinárias enquanto bebia seu chá no palco. Claro, como sempre, descalça.

Canções novas, mas também antigas

A artista ficou feliz em saber que a plateia havia ouvido seu disco novo, mas levou em um clima muito leve os pedidos de músicas antigas, alterando inclusive o setlist ou mesmo falando que não lembrava de forma alguma da letra de uma das pedidas, mas poderia tentar e, caso não desse certo, tudo bem. Os ouvintes prometeram ajudá-la, mas ao começar a letra, o restante veio.

Espaço para outras músicas, um novo gole no chá, novas emoções e Joss abria concessões no repertório, até que reconheceu para o público que ela e a banda não sabiam uma das pedidas. Aliás, que banda e que equipe técnica. Não houve uma microfonia para contar caso. E já que o grupo não sabia, ela cantou à capela “The Love We Had”.

Joss Stone show Espaço das Américas Unimed junho 2022 foto Rafael Strabelli

Foto: Rafael Strabelli / Espaço Unimed / Divulgação

Joss Stone radiante

À medida em que Joss se conectava com o público do Espaço Unimed, a plateia entregava ainda mais no show. Poucas vezes vi isso em um performance ao vivo. Ela estava feliz e radiante, deixando os espectadores em êxtase com cada canção.

Teve de tudo. De “Super Duper Love” à presente recebido no palco. Joss Stone e sua  incrível banda fizeram um show foi simplesmente bárbaro no Espaço Unimed. Inesquecível. Um verdadeiro “L-o-v-e” para todos os lados.

Aliás, está de olho em algo na Amazon? Então apoie o ULTRAVERSO comprando pelo nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa.

Por fim, não deixe também de acompanhar o UltraCast, o podcast do ULTRAVERSO:

https://app.orelo.cc/uA26
https://spoti.fi/3t8giu7

Demétrius Carvalho

Demétrius Carvalho é músico, multi-instrumentista e produtor musical de origem, mas anda com frequência em outras artes passando pela literatura, fotografia. Blogueiro, da suas impressões ainda sobre cinema, artes plásticas e definitivamente é multimídia adorando sobrepor arte sobre arte.
Livros e Quadrinhos ‘Operação Obscura’ ‘Coração Marcado’ ‘Lua de Mel com a Minha Mãe’ ‘Bubble’ ‘Rumspringa’ SEC AWARDS 2022 A Megera Domada – Crítica do Filme