‘Locked Down’: filme da HBO Max é mais problemático que o casal

‘Locked Down’: filme da HBO Max é mais problemático que o casal

O mais novo filme de Anne Hathaway (O Diabo Veste Prada) e Chiwetel Ejiofor (12 Anos de Escravidão), Locked Down, produção da HBO Max, é o exemplo perfeito de um filme de ação e comédia sem ritmo e sem graça. Com uma narrativa com potencial, o longa se perde na sua lentidão. Tanto nas cenas em plano sequência quanto na narrativa. Assim, entrega ao espectador uma ação tediosa sobre um roubo durante a quarentena.

Ambientado no contesto da pandemia da COVID-19, um casal em crise, Linda (Anne Hathaway) e Paxton (Chiwetel Ejiofor) precisam conviver na mesma casa. Graças, claro, ao isolamento social decretado. Inevitavelmente, os dois são obrigados a interagir, conversar e se relacionar. A saber, Paxton trabalha como motorista de delivery. Por outro lado, Linda é CEO de uma companhia fashion. Entretanto, seus caminhos profissionais acabam se cruzando e o casal planeja um roubo de um diamante de três milhões de euros.

Locked Down crítica filme HBO Max

Confinamento

Com direção de Doug Liman (Sr. e Sra. Smith), o filme introduz de forma extremamente longa, um casal em crise por quase uma hora e meia. As situações de conflito entre os personagens se mostram repetitivas. Sem muito desenvolvimento da relação amorosa deles ou até dos anseios dos protagonistas.

Em uma tentativa de inserir e aproximar o espectador, o diretor fez o uso planos sequência para tornar as cenas mais dinâmicas. Buscando também a sensação de realismo ao cotidiano de Linda e Paxton.

Para intensificar essa identificação com quem assiste, a respeito de um momento que todos estamos vivenciando, são inseridas situações comuns do período da quarentena. Reuniões via Zoom, problemas de conexão, telas e vídeos travados são alguns dos exemplos. No entanto, o objetivo não é alcançado. Isso porque são entregues cenas mais forçadas, sem dinâmica. Mesmo com uso de um “humor”, que de modo frustrante, torna tudo mais sem desconexo e sem graça.

  • Aliás, vai comprar algo na Amazon? Então apoie o ULTRAVERSO comprando pelo nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa
YouTube video

Crise no relacionamento

Todavia, engana-se quem imagina que o foco de Locked Down é o roubo, que será um filme com mais ação. O primeiro ato enfatiza a todo momento as diferenças do casal, bem como os conflitos que causaram essa crise. A cada momento, a produção vai se tornando mais lenta e, consequentemente, tediosa. Principalmente quando esses conflitos e situações enfadonhas se repetem.

Então, fica claro que, mesmo em crise e com esses problemas, o casal ainda possui sentimentos um pelo outro. Além disso, ainda nutre – mesmo com momentos de embate – um respeito, tanto pelo companheiro, quanto pelo relacionamento. Portanto, o desfecho de que eles não vão se separar acaba sendo óbvio. Apesar do desenvolvimento longo sobre essas diferenças e esse descontentamento com a situação do relacionamento.

Talvez esse desenvolvimento longo – apesar de também fraco -, tenha sido uma tentativa de passar a sensação de tédio vivenciada na quarentena. Entretanto, esse tédio ultrapassa o proposto e torna toda a obra extremamente cansativa.

Locked Down HBO Max crítica filme

O roubo

O clímax, então, só acontece após 1h30 de filme. Sobra, assim, poucos minutos para o terceiro ato, onde esperamos que, ao menos, seja o único momento de ação e sem DR. Dessa forma, o filme Locked Down parece “começar” no momento dessa ação proposta. Parece, de fato, a oportunidade de um ritmo mais rápido e ativo, o que certamente acontece. Mas, ainda assim, se perde na proposta e continua carregando problemas dos primeiros atos.

O tédio da quarentena parece intensificar a crise, afinal, o casal que já possui seus problemas, estava planejando se separar. Contudo, terá que continuar morando junto, convivendo e se relacionando todos os dias. E, apesar dos problemas financeiros de Paxton, essa monotonia parece ser a motivação para o roubo.

‘Locked Down’ é comédia?

Em suma, a tentativa de comédia com ação não vinga. É difícil – praticamente impossível – definir os gêneros do filme. O drama não é bem desenvolvido e a comédia não é bem explorada. O roubo é só um fato decorativo do longa, que promete mais do que cumpre.

Nem o roteiro nem a direção das atuações sabem dosar o drama ou a comédia. As piadas e comentários sarcásticos inseridos também não acrescentam em nada à narrativa. São apenas diálogos e atitudes sem nexo. E isso só ajuda a afastar o espectador da trama. Enfim, Locked Down é um filme de 118 minutos extremamente cansativos.

TRAILER

YouTube video

FICHA TÉCNICA DO FILME ‘LOCKED DOWN’

Título original do filme: Locked Down
Direção: Doug Liman
Roteiro: Steven Knight
Elenco: Anne Hathaway, Chiwetel Ejiofor, Stephen Merchant, Mindy Kaling, Lucy Boynton, Mark Gatiss, Claes Bang, Ben Stiller, Ben Kingsley
Onde assistir ‘Locked Down’: HBO Max
Data de estreia: qui, 14/01/21
País: Estados Unidos
Gênero: comédia romântica
Ano de produção: 2021
Duração: 118 minutos
Classificação: 16 anos

3.7
saldo total
Créditos Galáticos: 2
6 user votes x 4.0
Bloqueados!
TAGS
Compartilhe


Leia também