Mega Drive | Cinco jogos de faroeste de sucesso

Mega Drive | Cinco jogos de faroeste de sucesso

Os videogames sempre tiveram certos segmentos que obtiveram mais destaque, como os jogos de ação e/ou aventura. Haviam ambientações no presente ou no futuro, jogos de esporte (preferência de muitos gamers por aí) e os de navinha (Shoot Em Up).

Dificilmente vemos jogos que são ambientados no passado, certo? Seja nos tempos das cavernas, dinossauros, era vitoriana e assim vai. Ainda assim, vez ou outra, alguns jogos de Mega Drive recebem o devido destaque, como foi o caso daqueles ambientados nos tempos do faroeste americano. Índios, bandidos, bolas de feno, carroças e por aí vai. Nada melhor como Sunset Riders para relembrar isto.

E estes jogos quase sempre foram bem cotados não importando para qual plataforma saísse. Exemplo disto é Red Dead Redemption que está na atual geração. No entanto, claro que não havia títulos de grande destaque como um Phantasy Star ou um Streets of Rage. Ainda assim eles estavam ali para fazer a alegria da galera e o Mega Drive tinha o seu quinhão de jogos voltados para a esta área.

Se você nunca viu algum título baseado no faroeste esta pequena lista vai lhe ajudar a conhecer alguns deles.

Jogos de Faroeste do Mega Drive

DASHIN’ DESPERADOES

Dashin Desperadoes

Título de plataforma desenvolvido e publicado pela Data East, lançado exclusivamente para o Genesis (Mega Drive americano) em julho de 1993, esse faroeste traz uma jogatina em plataforma onde o jogador poderá controlar Will ou Rick que devem percorrer vários obstáculos para ir de encontro com a donzela Jenny.

Quando se joga apenas de um, o jogador incorpora o cowboy conhecido como Will, um rapaz loiro que está atrás da jovem amada Jenny. Ele o faz isto porque Rick, o seu arqui-inimigo também tem uma grande paixão pela donzela.

Através dos mais diversos obstáculos e muitas criaturas que existem no deserto americano, Will e Rick correm um contra o outro em seis diferentes estágios cada um com três níveis para que o vencedor tenha em mãos o prêmio maior do jogo.

Jogando de dois, o segundo player toma o controle de Rick e terá de atrapalhar o primeiro player de alcançar o seu objetivo.

Um título divertido e interessante, Dashin’ Desperadoes é uma boa pedida de faroeste para o Mega Drive. Uma curiosidade é que se o jogo for colocado num Mega Drive Japonês, o nome do mesmo muda, passando a ser chamado de Rumble Kids, sendo que jamais fora lançado em terras nipônicas.

Back to The Future – Part III

De Volta ao Futuro - Parte III - Mega Drive

As vezes alguns filmes por aí recebem uma conversão para os videogames onde temos algumas partes interessantes do longa-metragem que funcionam como fases para jogos e, no caso de Back To The Future Part III (De Volta Para o Futuro Parte III) não é exceção.

Desenvolvido pela Probe Software e publicado pela Arena Entertainment em 1991 para o Mega Drive e outras plataformas – Amiga, Atari ST, Master System entre outros -, o jogo é bem diferente daquele que fora lançado para o NES pela LJN.

O jogo vem com quatro níveis que são os seguintes:

– Resgatar a Clara com o Doutor Brown cavalgando um cavalo, desviando de obstáculos enquanto atira nos inimigos;

– Tiro ao alvo, agora jogando agora com Marty McFly, o jogador precisa atirar na maior quantidade de alvos possíveis;

– Marty vs capangas de Buford, usando pratos de torta como frisbee;

– O Trem, nesta última seção do jogo, o jogador deverá controlar Marty através da locomotiva coletando madeira para fazer com que ela consiga atingir 88 milhas por hora, e assim, conseguir que o DeLorean possa viajar no tempo.

Mesmo sendo um título relativamente pequeno, o jogo conseguiu captar, em partes, alguns trechos bem marcantes do filme em si, claro que pode não substituir a experiência cinematográfica, mas ainda assim, possibilita ao jogador sentir um pouco na pele o que aqueles personagens sentiram contra todas as adversidades.

Lethal Enforces II: GunFighters

Uma boa lembrança que nós temos por aí com jogos de tiro são aqueles que usamos pistolas contra uma tela, muitos destes, a priori, vieram do arcade e o próximo jogo não é nenhuma exceção.

Lethal Enforcers II: Gun Fighters é, em suma, um prequel de Lethal Enforcers. O último se passa em dias presentes. o primeiro se passa no velho oeste americano, onde o jogador saca a sua arma e atira contra bandidos que percorrem toda a tela do jogo.

Desenvolvido, bem como publicado pela Konami, foi lançado em maio de 1994 para o Mega Drive e no mesmo ano para o Sega CD.

Um título contém cinco estágios: ‘The Bank Robbery’, ‘The Stage-Holdup’, ‘Saloon Showdown’, ‘The Train Robbery’, e ‘The Hide-Out’. No final de cada estágio o jogador deverá enfrentar um chefão. Assim como jogo do mesmo estilo, tem de tomar o devido cuidado para não ferir os companheiros que aparecerem em tela.

Um fato interessante: a saber, se você quiser sentir mais a atmosfera do título poderia adquirir, na época do lançamento do mesmo, a pistola Justifier produzido pela Konami especialmente para o Lethal Enforcers original (e que vinha junto com o título em questão), podendo também ser usado no seu prequel – e que poderia ser usada em outros títulos como Snatcher, Mad Dog McCree, MadDog II: The Lost Gold e Who Shot Johnny Rock.

Sunset Riders

Mega Drive faroeste

Dos cinco jogos da lista, certamente Sunset Riders é o mais conhecido. Produzido e distribuído pela Konami, chegou ao arcade e posteriormente no Mega Drive.

A história do jogo é bem simples: em suma, você e seus amigos devem caçar os bandidos mais perigosos do velho oeste e receber as recompensas pela cabeça de cada um. Ainda assim, existem pequenas diferenças entre a versão de arcade e do Mega Drive.

Aliás, vai comprar algo na Amazon? Apoie o Ultraverso comprando pelo nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa

A primeira grande mudança está na escolha dos personagens, ao invés de quatro, como no original, apenas dois eram possíveis, Billy e Cormano. Quatro dos oito chefes originais estão presentes, mas os quatro estágios eram em dois cenários, tornando o jogo tão longo quanto o original.

Outra diferença está no estágio de bônus, onde na versão do Mega Drive devemos cavalgar um cavalo atrás de uma carroça enquanto uma mulher joga moedas e vidas extras no caminho do jogador.

Mas, apesar de todas estas mudanças, existe um modo extra que é uma jogatina de dois jogadores em modo versus. Onde cada um tem de atirar no outro até a vida de um deles acabe.

Sunset Riders é a pedida certa para aqueles que são fãs de Contra, Gunstar Heroes e Metal Slug juntamente com o bom e velho faroeste.

Mad Dog McCree (Sega CD)

mega-drive-jogos-de-faroeste

Decerto, o último da nossa lista é na verdade um jogo que utiliza da tecnologia FMV (Full-Motion Video).

Aliás, um fato interessante é que, dependendo de algumas ações do jogador, a sequência da história muda, com alguns resultados bem interessantes. Por fim, Mad Dog McCree ainda teve uma continuação chamada de Mad Dog II: The Lost Gold que também lançaram para o Sega CD.

TAGS
Compartilhe


Leia também