‘Os Pequenos Vestígios’, um suspense que não deveria existir

‘Os Pequenos Vestígios’, um suspense que não deveria existir

Quatro Oscars. Infelizmente, este não é o número de vitórias que Os Pequenos Vestígios (The Little Things) pode conquistar na premiação cinematográfica deste ano; muito menos a quantidade de indicações possíveis. Quatro é o número de Oscars que o trio protagonista já ganhou nas carreiras unidas.

Denzel Washington, sempre impecável, já levou dois (por Tempos de Glória e Dia de Treinamento). Rami Malek, por questões dúbias, ganhou por Bohemian Rhapsody. Por fim, o controverso Jared Leto venceu por Clube de Compras Dallas. Mas nem um elenco estelar desses consegue salvar este filme de um fiasco quase absoluto de um suspense policial que não pensa fora da caixa e que não tem nada a acrescentar ao gênero.

Um serial killer à solta

Na trama, temos Denzel Washington vivendo um policial veterano que entra de cabeça em um caso antigo, agora liderado pelo novato e sagaz personagem de Rami Malek. Temos também um serial killer à solta, suspeito da morte de várias mulheres nos últimos 20 anos, que virou uma obsessão na vida desses dois policiais.

Está aí a história e as duas horas conseguintes de uma perseguição que aparenta não levar a lugar nenhum. Então, caso o espectador queira aproveitar melhor seu tempo, recomenda-se uma dose satisfatória de David Fincher, que pegou essa mesma fórmula de Os Pequenos Vestígios e provou bem seu ponto em Seven – Os Sete Crimes Capitais, Zodíaco e Garota Exemplar. Aliás, em nosso Ultracast, debatemos sobre a genialidade do diretor nesses e em outros filmes.

Os Pequenos Vestígios filme crítica

‘Os Pequenos Vestígios’ é bom?

Aliás, não é como se não existisse talento na conjuntura dessa obra. Afinal, o diretor e roteirista John Lee Hancock já fez trabalhos bacanas no campo do drama, com Um Sonho Possível e Walt nos Bastidores de Mary Poppins.

Aqui, entretanto, não entende-se a razão da existência do presente filme. Isso porque não há um contexto que justifique a feitura da obra, nem um ponto de chegada satisfatório. Tendo ainda uma leve reviravolta no final sem propósito que apenas justifica as obsessões dos protagonistas, mas que não leva a absolutamente lugar algum.

  • Aliás, vai comprar algo na Amazon? Então apoie o ULTRAVERSO comprando através do nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa

Um elenco que tinha tudo para brilhar

Elencando os pontos fracos, podemos colocar a atuação robótica de Rami Malek (perdão pelo trocadilho), que atua no modo Kirsten Stewart de manter sempre a mesma expressão facial. Acrescentamos ainda a montagem picotada, que lembra aquela cena horrorosa de edição de Bohemian Rhapsody, cheio de cortes sem necessidade que dão taquicardia a quem assiste.

YouTube video

No meio termo, existe Denzel Washington. Ele é um dos atores vivos mais brilhantes de Hollywood. No entanto, aqui recicla sua atuação de Chamas da Vingança num tom mais baixo e controlado, mas igualmente sofrido. A sensação é que Denzel guardou uma melhor performance para algum filme posterior.

E, enfim, chegamos ao ápice da obra. Jared Leto, um dos sujeitos mais controversos e difíceis de defender do cinema, acusado de múltiplos assédios, entrega uma face misteriosa e assustadora como o potencial serial killer da obra. É, de fato, uma performance realmente interessante de assistir, devido à complexidade em apresentar crueza na postura corporal. Contudo, é difícil simpatizar ou até torcer nas premiações por um ator com essa bagagem acusatória.

Por fim, só podemos aceitar que Oscar no currículo não é parâmetro para divulgação de um filme. Além disso, podemos concluir também que “baixar a bola” é uma ótima lição para os cineastas de agora. Assim, se John Lee Hancock se propusesse a ser menos pretensioso e não tentasse criar um novo clássico do nível de Seven e Zodíaco em Os Pequenos Vestígios, teríamos uma produção que justifica sua existência, cuja proposta teria potencial para ser interessante.

TRAILER

YouTube video

FICHA TÉCNICA

Título original do filme: The Little Things
Direção: John Lee Hancock
Roteiro: John Lee Hancock
Elenco: Denzel Washington, Rami Malek, Jared Leto
Onde assistir ‘Os Pequenos Vestígios’: HBO Max
Data de estreia: qui, 11/03/21
País: EUA
Gênero: suspense
Ano de produção: 2020
Duração: 129 minutos
Classificação: 16 anos

6.5
saldo total
Créditos Galáticos: 4
3 user votes x 7.3
Desperdício de talentos
TAGS
Compartilhe


Leia também