‘Psych 2: Lassie Está de Volta’ é indicado apenas para os fãs da série

Bruno Oliveira

|

6 de julho de 2022

Para quem não lembra (ou não sabe), ‘Psych’ foi uma série que estreou em 2006 e terminou em 2014. Ela somou um total de oito temporadas com 121 episódios no total. Após o encerramento, ainda tiveram três longas feito diretamente para a TV feitos como um especial de duas horas de duração. Foram eles: ‘Psych: O Filme’ de 2017, ‘Psych 2: Lassie Está de Volta’ de 2020 (alvo dessa resenha) e ‘Psych 3: Este é o Gus’ de 2021. Essa segunda parte foi originalmente produzida pela Peacock e somente agora no ano de 2022 teve sua estreia em terras tupiniquins.

A Trama

Os dois protagonistas icônicos da série estão de volta: o falso detetive Shawn Spencer (James Roday Rofriguez) e seu melhor amigo Gus (Dulé Hill). Após seu antigo amigo Carlton Lassiter (Timothu Omundson) ter levado um tiro e estar internado por causa disso, os dois vão visitá-lo. Logo, eles percebem que o local está sofrendo com acontecimentos sobrenaturais. Assim, os dois resolvem atender o chamado do mistério e partem para solucionar o caso.

Exclusivo para os fãs da série

Já começo dizendo que nunca vi a série. Conhecia de nome, mas nunca tinha visto de verdade nenhum episódio se quer. Dito isso, comecei o longa muito perdido. Não sabia quem era quem. Não fazia nenhuma ideia de quem eram essas pessoas e nem o que elas faziam de verdade. Aos poucos vamos nos ajeitando na cadeira e passamos a entender um pouco melhor as coisas. Só fica nítido que ele não foi feito para um público casual, que no caso seria eu. Ele é feito exclusivamente para os fãs que estão com saudades da série.

O seu início onde nada é explicado, e que pareceu completamente desvairado para mim, provavelmente fez o fã sorrir. Isso é tão nítido que inclusive temos a abertura da série logo após os seus cinco minutos. Daquela clássica onde aparece o nome dos atores ao lado do próprio em tela. Clássico das obras da década de 2000 para trás. Isso tudo me tirou um pouco do clima, pois é como se eu tivesse perdido muita coisa por aí e a culpa seria só minha mesmo nesse caso.

Sobre o filme em si, posso dizer que ele é minimamente divertido. Apesar de não me sentir inserido no cotidiano dos personagens, conseguiu me deixar instigado com o mistério apresentado. Ele possui um alto grau de comédia nerd com milhões de referências que podem se perder facilmente para quem não sabe do que estão falando. O humor dele é leve e mesmo contendo um caso criminal para ser investigado, em nenhum momento ele é complexo a ponto de se tornar sério demais. Tudo leve e descontraído.

Conclusão

Recomendaria ele somente para os fãs de ‘Psych’ mesmo. Acredito que ele foi feito para suprir a falta que os amantes da série sentem dela. Pessoas como eu, que cheguei de paraquedas, não possuem o mesmo vínculo emocional e nem entendem metade das circunstâncias impostas nesse longa feito para a TV. Mesmo assim, ele acaba sendo uma obra que diverte e que nos apresenta um caso bem esquisito de ser desvendado. Pura literatura adolescente.

Onde assistir ao filme ‘Psych 2: Lassie Está de Volta’

A saber, ‘Psych 2: Lassie Está de Volta’ já se encontra no catálogo da Star Plus desde o primeiro dia de julho.

Aliás, vai comprar algo na Amazon? Então apoie o ULTRAVERSO comprando pelo nosso link: https://amzn.to/3mj4gJa.

Por fim, não deixe de acompanhar o UltraCast, o podcast do Ultraverso:

https://app.orelo.cc/uA26

https://spoti.fi/3t8giu7

Trailer do filme ‘Psych 2: Lassie Está de Volta’

‘Psych 2: Lassie Está de Volta’: Elenco do filme

James Roday Rodriguez
Dulé Hill
Timothy Omundson
Maggie Lawson
Kirsten Nelson
Corbin Bernsen
Sarah Chalke

Fica Técnica

Título original: Psych 2: Lassie Come Home
Direção: Steve Franks
Roteiro: Steve Franks, Andy Berman e James Roday Rodriguez
Duração: 89 minutos
País: Estados Unidos
Gênero: Comédia, policial, mistério
Ano: 2020
Classificação: 12 anos

Bruno Oliveira

2.5

Créditos Galáticos: 2.5

Livros e Quadrinhos ‘Operação Obscura’ ‘Coração Marcado’ ‘Lua de Mel com a Minha Mãe’ ‘Bubble’ ‘Rumspringa’ SEC AWARDS 2022 A Megera Domada – Crítica do Filme