‘The Old Guard’ é um dos grandes filmes da Netflix e do ano

‘The Old Guard’ é um dos grandes filmes da Netflix e do ano

“Só não morremos porque não chegou nossa hora.”

Quando foi lançado ano de 1985, Highlander: O Guerreiro Imortal emocionou plateias do mundo inteiro com a história de Connor MacLeod, guerreiro escocês interpretado por Chistopher Lambert, que descobre, em batalha, que não pode morrer.

Contudo, o que seria tido por muitos como uma bênção, se transforma num fardo, já que a imortalidade causa a repulsa dos seus pares e a dor de ver seus entes queridos tombarem por um caminho infindável.

The Old Guard Netflix
Foto: Netflix / Divulgação

A trama

The Old Guard, filme de ação da Netflix baseado nos quadrinhos de Greg Rucka e Leandro Fernandez, resgata essa mística da imortalidade contando a história dos companheiros de batalha Andy (Charlize Teron), Joe (Marwan Kenzari), Nicky (Luca Marinelli) e Booker (Matthias Schoenaerts).

Usando seus dons inatos e habilidades de luta, eles agem secretamente através dos séculos para tentar fazer alguma diferença no mundo até que são expostos no momento em que surge outra imortal, Nile (Kiki Layne).

O ponto positivo e crucial do roteiro é manter o dom da imortalidade sem uma explicação lógica ou embasamento científico, argumento que cativou os fãs do primeiro Highlander e que se perdeu nas suas sequências.

De resto, The Old Guard, da Netflix, segue quase à risca a trama dos quadrinhos, alterando-a apenas no que é preciso para se ajustar a uma produção cinematográfica e respeitando a obra original.

The Old Guard Netflix
Foto: Netflix / Divulgação

Ação ao estilo ‘John Wick’

E, se falamos de ação, o trabalho de direção de Gina Prince-Bythewood é de encher os olhos. Cada guerreiro possui habilidades e armas de acordo com o seu período histórico.

Eles vão desde o machado de batalha usado por Andy (ou Andrômaca), a mais velha e experiente; passando pelas lâminas medievais de Joe e Nicky (um cristão e um mulçumano das Cruzadas); até as simples armas de fogo de Booker, soldado das Guerras Napoleônicas.

Recursos entrelaçados com balas zunindo em cenas de luta claramente inspiradas em John Wick.

Teron, que vem evoluindo cada vez mais como heroína de ação, mostra vigor à altura da sua personagem ao mesmo tempo em que transparece a melancolia de alguém cansada de lutar sem resultado. Entretanto, assume a responsabilidade pelos seus até o fim.

Por fim, The Old Guard, cujo título soaria melhor por aqui em português mesmo, é um dos grandes filmes da Netflix e do ano. Não apenas por suas boas cenas de ação, mas por manter um mínimo de mistério sobre os personagens e seu papel no decorrer da História Mundial.

Aliás, o gancho para uma continuação certamente deixou o público aceso e eu gostaria muito de saber o que aconteceu na São Paulo de 1834.

TRAILER

FICHA TÉCNICA

Título original: The Old Guard
Direção: Gina Prince-Bythewood
Elenco: Charlize Theron, KiKi Layne, Marwan Kenzari, Luca Marinelli, Harry Melling, Van Veronica Ngo, Matthias Schoenaerts, Chiwetel Ejiofor
Distribuição: Netflix
Data de estreia: sex, 10/07/20
País: Estados Unidos
Gênero: ação
Ano de produção: 2020
Duração: 125 minutos
Classificação: 16 anos

9.0
Créditos Galáticos
Créditos Galáticos: 9
2 user votes x 9.0
Porrada atrás de porrada
TAGS
Compartilhe